Transtorno de déficit de atenção com hiperatividade em adolescentes

Criança estudando com o pai - NIH

A maioria das crianças com transtorno de déficit de atenção com hiperatividade continua a ter sintomas quando entram na adolescência. 

Algumas pessoas, porém, não são diagnosticadas com transtorno de déficit de atenção com hiperatividade até que entrem na adolescência. Isso é mais comum em crianças com sintomas predominantemente de desatenção. Nessas pessoas, os sintomas do transtorno de déficit de atenção com hiperatividade ficam mais evidentes quando ficam adolescentes e a quantidade de responsabilidades e exigências acadêmicas aumentam. 

PUBLICIDADE

Para todos os adolescentes esses anos são desafiadores. Porém, para adolescentes com transtorno de déficit de atenção com hiperatividade, esses anos podem ser especialmente difíceis.

Embora hiperatividade tenda a diminuir à medida que a criança cresce, adolescentes que continuam hiperativos podem sentir inquietação e tentar muitas coisas ao mesmo tempo. Eles podem escolher tarefas ou atividades que têm um resultado rápido, ao invés das que requerem mais esforço, porém fornecem recompensa maior a longo prazo.

Adolescentes também ficam mais responsáveis por suas próprias decisões sobra sua saúde. Na infância os pais mais provavelmente são responsáveis por garantir que a criança mantenha o tratamento. Porém, quando a criança vira adolescente, os pais têm menos controle e aqueles com déficit de atenção com hiperatividade podem ter dificuldade em seguir o tratamento.

PUBLICIDADE

Para ajudar adolescentes com déficit de atenção com hiperatividade, deve ser dado a eles regras que são claras e fáceis de entender.

Adolescentes com ou sem déficit de atenção com hiperatividade querem ser independentes e tentar coisas novas, e algumas vezes quebrar regras. Se o adolescente quebrar regras, a resposta dos pais deve ser calma e o mais direta possível. Punição deve ser usada somente raramente. 

Adolescentes com déficit de atenção com hiperatividade geralmente têm problema para controlar a impulsividade.

Manter os tratamentos, como medicação e psicoterapia, também pode ajudar no controle do déficit de atenção com hiperatividade em adolescentes.

Saiba mais:
Crianças Hiperativas - Transtorno de Déficit de Atenção com Hiperatividade
Transtorno de déficit de atenção com hiperatividade em adultos
Sintomas de transtorno de déficit de atenção com hiperatividade em crianças
Transtorno de déficit de atenção com hiperatividade - Tratamento
Transtorno de déficit de atenção com hiperatividade
Ansiedade - Diagnóstico e Tratamento
Como atenuar a ansiedade pré-competição?
Pedalar diminui ansiedade
Hora de estudar: como ajudar seu filho nos trabalhos de casa
Crianças à beira de um ataque de nervos - Distúrbios da ansiedade infantil
Saúde da criança e escolhas saudáveis
Depressão infantil
Estresse e sua saúde
Neurotransmissores serotonina, dopamina, noradrenalina e bem-estar
Stress
Você sabe lidar com o estresse?
Desenvolvimento da auto-estima
Fobia Social e Fobias Específicas com seus Tipos
Transtorno de ansiedade generalizada
Como tratar e controlar a ansiedade
Timidez e Fobia Social
Síndrome de Asperger - O que é, sintomas, tratamento
Autismo


PUBLICIDADE


Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Tradução: copyright © 2010 por Helio Augusto Ferreira Fontes
Texto: National Institute of Mental Health (NIMH)