Sobrepeso e obesidade - Causas

Quais são as causas do sobrepeso e obesidade?

Falta de equilíbrio energético

A falta de equilíbrio energético é o que mais freqüentemente causa sobrepeso e obesidade. Equilíbrio energético significa que a energia ingerida deve ser equivalente à energia gasta. Energia ingerida é a quantidade de calorias obtida de comidas e bebidas. Energia gasta é a quantidade de calorias que o corpo usa para coisas como respirar, digerir, e ficar fisicamente ativo.

PUBLICIDADE

Para manter um peso saudável, a energia ingerida não tem que ser exatamente equivalente à gasta todos os dias. É o equilíbrio ao longo do tempo que o ajuda a manter um peso saudável:
* A mesma quantidade de energia ingerida e energia gasta ao longo do tempo = peso se mantém estável.
* Mais energia ingerida do que gasta ao longo do tempo = ganho de peso.
* Mais energia gasta do que ingerida ao longo do tempo = perda de peso.

Sobrepeso e obesidade ocorrem com o passar do tempo quando a pessoa ingere mais calorias do que usa.

Estilo de vida sedentário como causa de sobrepeso e obesidade

Muitas pessoas na sociedade moderna não são fisicamente ativas. Uma para razão para isso é que muitas pessoas passam horas em frente à TV e computador. De fato, ficar mais de 2 horas por dia regularmente vendo TV está relacionado ao sobrepeso e obesidade.

Outras razões para o sedentarismo incluem usar muito o carro ao invés de caminhar, menos demanda por trabalho físico no emprego e em casa por causa da tecnologia, e falta de educação física e prática esportiva.

Pessoas sedentárias têm maior probabilidade de ganhar peso porque não queimam as calorias que ingerem de alimentos. Um estilo de vida sedentário também eleva o risco de doença das artérias coronárias, pressão alta, diabetes, câncer de cólon, e outros problemas de saúde.

PUBLICIDADE

Ambiente como causa de sobrepeso e obesidade

Nosso ambiente não encoraja estilo de vida saudável. Na verdade, ele encoraja obesidade. Algumas razões para isso incluem:
* Falta de locais para recreação e atividade física em muitos bairros.
* Horário de trabalho. Muitas pessoas dizem não ter muito tempo para atividade física porque passam muito tempo trabalhando e se deslocando ao trabalho.
* Porções gigantes de alimentos. Atualmente estamos cercados de porções gigantes de alimentos nos restaurantes, lanchonetes, lojas de conveniência, cinemas, supermercados e até em casa. Algumas dessas refeições e lanches poderiam alimentar duas ou mais pessoas. Comer grandes porções significa ingestão de muitas calorias. Com o tempo, isso causa ganho de peso se não for equilibrado com atividade física.
* Anúncios de comidas que acabam estimulando as pessoas a comerem demais.

Genes e histórico familiar

Estudos de gêmeos idênticos que foram criados separados mostram que os genes têm uma forte influência no peso da pessoa. Sobrepeso e obesidade tendem a ocorrem em membros da mesma família. Suas chances de ter sobrepeso e obesidade são maiores se um ou ambos os pais forem obesos ou com sobrepeso.

Seus genes também afetam a quantidade de gordura que acumula no corpo e em que local ele armazena a gordura extra. Uma vez que familiares também compartilham hábitos de alimentação e de atividade física, existe ligação entre genes e ambiente.

As crianças adotam hábitos dos pais. Uma criança com pais acima do peso, que comem alimentos com muitas calorias e são sedentários, têm grande probabilidade de ficarem acima do peso também. Porém, se a família adotar hábitos de atividade física regular e alimentação saudável, as chances da criança ficar com sobrepeso ou obesidade diminuem.

Condições médicas como causas de sobrepeso e obesidade

Alguns problemas hormonais podem ser causas de sobrepeso e obesidade, como hipotireoidismo, síndrome de Cushing, e síndrome do ovário policístico.

Medicamentos que podem causar sobrepeso e obesidade

Certos medicamentos fazem a pessoa ganhar peso. Esses medicamentos incluem alguns corticosteróides, antidepressivos, e remédios para convulsões. Tais medicamentos podem diminuir a taxa que o corpo queima calorias, elevar o apetite, ou fazer o organismo reter líquidos. Todos esses fatores podem ocasionar ganho de peso.

Fatores emocionais como causas de sobrepeso e obesidade

Algumas pessoas comem mais do que o usual quando estão chateadas, com raiva ou estressadas. Com o tempo, esse excesso de ingestão de comidas pode causar sobrepeso ou obesidade.

Idade

À medida que as pessoas envelhecem elas tendem a perder massa muscular, especialmente se forem menos ativas. A perda de massa muscular pode diminuir a taxa na qual o corpo queima calorias. Se a ingestão de calorias não for reduzida à medida que envelhece, pode haver ganho de peso.

O ganho de peso em mulheres de meia idade é principalmente decorrente de envelhecimento e estilo de vida, porém a menopausa também tem influência. Muitas mulheres ganham 2 kg durante a menopausa e têm mais gordura ao redor da cintura do que antes.

Gravidez

Durante a gravidez a mulher ganha peso para que o bebê seja apropriadamente nutrido e se desenvolva normalmente. Depois do parto, algumas mulheres têm dificuldade de perder peso. Isso pode resultar em sobrepeso ou obesidade, especialmente depois de algumas gravidezes.

Falta de sono

Alguns estudos descobriram que quanto menos a pessoa dorme, mais provavelmente ela tenha sobrepeso ou obesidade. Pessoas que relatam dormir 5 horas por noite, por exemplo, têm maior probabilidade de ficarem obesas comparar às que dormem 7-8 horas por noite.

Pessoas que dormem menos horas também parecem preferir ingerir alimentos mais calóricos, o que pode ocasionar ganho de peso com o tempo.

Hormônios que são liberados durante o sono controlam o apetite e uso de energia pelo corpo. Por exemplo, insulina controla o aumento e diminuição dos níveis de açúcar no sangue durante o sono. Pessoas que não dormem o suficiente têm níveis de insulina e açúcar no sangue similares às que provavelmente terão diabetes

Ainda, pessoas que não dormem o suficiente regularmente parecem ter altos níveis de um hormônio chamado grelina, que causa fome, e baixos níveis de uma hormônio chamado leptina, que normalmente ajuda a frear a fome.

PUBLICIDADE

Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Artigos relacionados:
Sobrepeso e obesidade - Tratamento
Sobrepeso e obesidade
Sintomas da obesidade
Obesidade: causas e consequências
Prevenção da obesidade
Peso Saudável

Remédios para emagrecer:
Efedrina
Moderadores de apetite - Anorexígenos
Redufim Quitosana
Tak 500
Cetilistat - O que é, x Orlistat
Xenical - Orlistat
Sibutramina
Rimonabanto - Acomplia
Fentermina - Supressor de apetite
Femproporex
Dietilpropiona - Anfepramona
Sibutramina - Efeitos colaterais, bula e dosagem
Mazindol
Anorexígenos ou anoréxicos - Lista, medicamentos, naturais
Fórmulas para emagrecer
Fucus vesiculosus
Desobesi-M
Cassiolamina
Dualid S
Plenty - Cloridrato monohidratado de sibutramina
Advantra Z - Sinefrina e Laranja-amarga (Citrus aurantium)
Remédios para emagrecer aprovados
Vazy ®
Faseolamina

Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Tradução: © 2011 Helio Augusto F. Fontes
Texto: National Heart Lung and Blood Institute