Psicopatas - Verdadeiros atores da vida real, alguns famosos

O Brasil todo ficou indignado com a maldade e frieza da personagem Yvone, interpretada pela atriz Letícia Sabatella, personagem da novela Caminho das Índias, escrita por Glória Perez. Melhor amiga de Silvia, interpretada por Débora Bloch, Yvone arquitetou planos e ações, destruindo a vida de quem a interferisse em suas atrocidades, para conseguir status, dinheiro e poder. Sem nenhum arrependimento ou consciência pesada. 

PUBLICIDADE

Esse tipo de pessoa pode até parecer personagem de novela, mas os psicopatas correspondem a 4% da população. E não há cura para eles. Quem afirma, é a renomada psiquiatra Ana Beatriz Barbosa Silva, que foi consultora da novela e ajudou a construir o perfil da personagem Yvone. A autora Glória Perez se inspirou em um livro da médica, “Mentes Perigosas – o psicopata mora ao lado”, que já vendeu mais de 120 mil exemplares.

PUBLICIDADE

Os psicopatas

Frios e calculistas, mentirosos contumazes, egocêntricos, megalômanos, parasitas, manipuladores, impulsivos, inescrupulosos, irresponsáveis, transgressores de regras sociais, muitos são violentos e só visam o interesse próprio. 

Estes são os psicopatas, indivíduos que apresentam um Transtorno de Personalidade, que se caracteriza por total ausência de sentimento de culpa, arrependimento ou remorso pelo que faz de errado.

Muitas pessoas imaginam que quem sofre desse transtorno são pessoas violentas, com aparência de assassino e que pode ser reconhecido em qualquer lugar. A psiquiatra afirma que não é tão simples assim identificar esse perfil de individuo. Até os profissionais da área médica e psicológica podem ser facilmente enganados por eles, uma vez que os psicopatas representam muito bem. “A maioria nunca vai chegar ao extremo de cometer um assassinato e se passa por uma pessoa comum. Eles estão infiltrados em todos os meios sociais, credo, sexo, cultura. São os verdadeiros atores da vida real”. 

Níveis de psicopatas

Ana Beatriz explica que há três níveis de psicopatas: o leve, que aplica os famosos golpes 171 (estelionato ou fraude) e atinge uma pessoa; o moderado, que aplica o mesmo golpe, porém em uma esfera social mais alta e acaba lesando milhares de pessoas; e o grave, que seria o serial killer, o assassino para quem não basta matar, é preciso haver requinte de crueldade. Esse último tipo, porém, é raro. 

Dos 4% de psicopatas da população, 1% é grave e 3% são leves e moderados. “A personagem Yvone, por exemplo, é uma psicopata de nível médio, pois ela sempre lesa uma só pessoa, nunca um grande sistema, e não é capaz de matar”, afirma a médica.

Sem afeto, o psicopata não possui nenhum problema cognitivo, a razão funciona bem e ele tem a capacidade plena de distinguir o que é certo e o que é errado. Segundo a psiquiatra, ele tem certeza que está infringindo a lei, mas não se importa com isso e até calcula os danos para saber o custo-benefício da ação, diz a psiquiatra.

Ana Beatriz explica que não há, ainda, a possibilidade de curar para esse tipo de transtorno, uma vez que elas não vêem nenhum problema em suas ações, não apresentam constrangimentos morais ou sofrimentos emocionais como depressão, ansiedade, culpas, baixa auto-estima. “Tratar de um psicopata é uma luta inglória, pois não há como mudar sua maneira de ver e sentir o mundo. Psicopatia é um modo de ser”, finaliza.

PUBLICIDADE




Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Artigos relacionados:
Auto-imagem e desordens alimentares
Bulimia nervosa
Doença de Paget dos ossos
Ossos precisam de alimentação, Sol e impacto
Osteoporose - Tratamento
Osteoporose - O que é, prevenção, sintomas
Osteoporose
Comedores compulsivos
Tratamento da bulimia e anorexia - Perguntas e respostas
Compulsão alimentar na bulimia nervosa
Ortorexia nervosa
Compulsão alimentar
Transtornos alimentares
Alimentação das modelos
Transtorno Dismórfico Corporal - Anorexia, Drunkorexia, Bulimia, Vigorexia
Anorexia Alcoólica ou Drunkorexia
Anorexia e bulimia - Perguntas e respostas
Distimia e depressão
Depressão e o Desejo Sexual
Depressão - Tipos
Depressão - Sintomas e causas
Depressão - Diagnóstico, tratamento com antidepressivos e psicoterapia
Depressão e Alimentos - Triptofano, Folato, Camomila, Tirosina
Depressão em idosos
Depressão na Terceira Idade
Pedalar diminui ansiedade
Demência
Depressão infantil
Endorfina
Neurotransmissores serotonina, dopamina, noradrenalina e bem-estar
TPM - tensão pré-menstrual
Antidepressivos
Stress
Você sabe lidar com o estresse?
De que modo a corrida afeta o bem-estar psicológico
Gene ligado à depressão Transtorno de déficit de atenção com hiperatividade em adultos
Transtorno de déficit de atenção com hiperatividade em adolescentes
Transtorno de déficit de atenção com hiperatividade - Tratamento
Sintomas de transtorno de déficit de atenção com hiperatividade em crianças
Transtorno de déficit de atenção com hiperatividade

Desenvolvimento da auto-estima
Fobia Social e Fobias Específicas com seus Tipos
Transtorno de ansiedade generalizada
Como tratar e controlar a ansiedade
Tratamento da ansiedade - Remédios e psicoterapia
Ansiedade - Sintomas e tipos
Timidez e Fobia Social
Transtorno de Estresse Pós-traumático
Síndrome da fadiga crônica
Síndrome das Pernas Inquietas
Ataque de Pânico
Ansiedade - Diagnóstico e Tratamento
Clorodiazepóxido
Fluoxetina emagrece? Perda de peso e efeitos colaterais
Fluoxetina - Daforin ou Prozac
Genética da esquizofrenia
Autismo - Perfil cerebral
Síndrome do Pânico - Tratamento, Sintomas
Síndrome do Pânico
Dislexia
Transtorno Bipolar ou Psicose Maníaco Depressiva
Raiva humana e animal
Doença meningocócica e meningite - Sintomas, transmissão e tratamento
Encefalite e Meningite
Paralisia cerebral
Síndrome de Asperger - O que é, sintomas, tratamento
Autismo
Lexotan - Bromazepam
Valium ® - Diazepam
Ritalina - Metilfenidato
Sertralina - Zoloft
Lesão cerebral traumática - Trauma no cérebro
Vitamina D - Fontes, alimentos ricos, deficiência, excesso, importância
Esclerose lateral amiotrófica
Esclerose Múltipla - Atriz Cláudia Rodrigues e médica Soraya Hissa de Carvalho
Doenças autoimunes - O que são, sintomas, causa, lista, tratamento
Esclerose múltipla - O que é, sintomas, tratamento
Esclerose múltipla
Tesofensina
5-HTP e Griffonia simplicifolia
5-HTP ou 5-Hidroxitriptofano
Caralluma fimbriata para emagrecer e suprimir o apetite
Adderall
Atividade física e uso do cérebro podem regenerar neurônios
Exercícios Físicos e Depressão
Transtorno Obsessivo Compulsivo - TOC
Neurose
Esquizofrenia - Causas
Esquizofrenia - Sintomas
Paranóia
Doença de Parkinson - O que é esse mal, sintomas tratamento
Alucinação - Alucinações visuais, auditivas - Causas e tratamento
Esquizofrenia paranóide
Esquizofrenia - Tratamento
Transtorno Bipolar - Sintomas, tratamento
Psicose - Sintomas e tratamento do psicótico
Psicopata e Psicopatia
Psicopatas
Esquizofrenia - O que é, causas, tratamento
Psicose - Sintomas e tratamento do psicótico
Psicopata e Psicopatia
Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Sobre a médica: 
Ana Beatriz Barbosa Silva é médica graduada com pós-graduação em psiquiatria pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Professora Honoris Causa pela UniFMU (SP) e Presidente da AEDDA – Associação dos Estudos do Distúrio do Déficit de Atenção (SP). Diretora das clínicas Medicina do Comportamento no Rio de Janeiro e em São Paulo, onde faz atendimento aos pacientes e supervisão dos profissionais de sua equipe. 

Escritora, realiza palestras, conferências, consultorias e entrevistas nos diversos meios de comunicação, sobre variados temas do comportamento humano. Autora dos livros: "Mentes Inquietas - TDAH: desatenção, hiperatividade e impulsividade" [Publicação revista e ampliada], "Mentes & Manias", "Sorria, você está sendo filmado (em parceria com o publicitário Eduardo Mello), "Mentes Insaciáveis: anorexia, bulimia e compulsão alimentar", "Mentes com Medo: da compreensão à superação" e "Mentes Perigosas: o psicopata mora ao lado".

Informações para a imprensa:
Ampla Soluções em Comunicação: Liège Camargos e Marianna Moreira
(31) 3225-1116 / 3221-9241/ 8899-0353
ampla@amplacomunicacao.com.br