Fumo passivo e problemas de saúde

Não fume - CDC/ Debora Cartagena

O que é fumo passivo?

O fumo passivo é a inalação de fumaça de produto de tabaco (cigarro, cachimbo, charuto) utilizado por outra pessoa. As pessoas são expostas ao fumo passivo em casa, nas ruas e outros lugares públicos.

O fumo passivo contém químicos perigosos?

PUBLICIDADE

Sim. Entre as mais de 7 mil substâncias químicas identificadas no fumo passivo, sabe-se que pelo menos 250 são prejudiciais à saúde, como por exemplo cianeto de hidrogênio, monóxido de carbono e amônia. 

Pelo menos 69 substâncias tóxicas no fumo passivo causam câncer, como por exemplo:
* Arsênico.
* Benzeno.
* Berílio (um metal tóxico).
* 1,3-Butadieno (um gás perigoso).
* Cádmio.
* Cromo.
* Óxido de etileno.
* Níquel.
* Polônio-210 (elemento químico radioativo).
* Cloretro de vinila

Muitos fatores afetam que elementos químicos são encontrados no fumo passivo, como o tipo de tabaco, químicos adicionados ao tabaco, a forma como ele é fumado e o material no qual o fumo é enrolado.

PUBLICIDADE

Exposição ao fumo passivo causa câncer?

Sim. Inalar fumaça com o fumo passivo pode causar câncer de pulmão em adultos não fumantes. Aproximadamente 3 mil mortes decorrentes de câncer pulmonar ocorrem anualmente em adultos não fumantes nos EUA em decorrência da exposição ao fumo passivo. O “U.S. Surgeon General” estima que viver com um fumante eleva de 20% a 30% as chances da pessoa não fumante desenvolver câncer pulmonar.

Alguns pesquisadores também sugerem que o fumo passivo pode elevar o risco para câncer de mama, câncer na cavidade nasal, e câncer nasofaringeal em adultos; além de aumentar o risco para leucemia, linfoma e tumores cerebrais em crianças. Pesquisas adicionais são necessárias para compreender a relação entre o fumo passivo e esses tipos de câncer.

Quais são os outros problemas de saúde causados pelo fumo passivo?

O fumo passivo está associado com doenças e morte prematura em adultos não fumantes e crianças. Exposição ao fumo passivo irrita as vias aéreas e tem efeitos danosos imediatos no coração e vasos sanguíneos. 

Fumo passivo pode elevar o risco de doenças cardíacas em torno de 25% a 30%. Acredita-se que o fumo passivo cause em torno de 46 mil casos de doença cardíaca nos Estados Unidos cada ano. Também pode ter uma relação entre o fumo passivo e o risco de AVC e endurecimento das artérias, porém pesquisas adicionais são necessárias para confirmar essa relação.

Crianças expostas ao fumo passivo têm o risco aumentado para síndrome da morte súbita infantil, infecções no ouvido, resfriados, pneumonia, bronquite e asma severa. Ser exposta ao fumo passivo retarda o crescimento dos pulmões da criança e pode ocasionar tosse, espirros e falta de ar.

Qual é o nível seguro de fumo passivo?

Não há nível seguro de exposição ao fumo passivo. Mesmo níveis baixos de fumo passivo podem causar problemas de saúde.

Saiba mais:
Dicas e benefícios de parar de fumar
Câncer Pulmonar - Tratamento
Câncer Pulmonar - Sintomas e Diagnóstico
Câncer Pulmonar - O que é, tipos, causas e prevenção
Câncer de Pulmão
Como parar de fumar e não engordar
Vacina anti-fumo é promissora
Tabagismo e problemas de saúde
Fumo de cigarro e doença cardíaca
Riscos de fumar para o coração e vasos sanguíneos
Remédios para parar de fumar e repositores de nicotina
Falta de ar ou dispnéia
Doença pulmonar obstrutiva crônica - Tratamento
Doença pulmonar obstrutiva crônica - Sintomas, sinais e diagnóstico
Doença pulmonar obstrutiva crônica - Causas e fatores de risco
Doença pulmonar obstrutiva crônica
Enfisema pulmonar
Dicas para evitar o câncer
Causas da disfunção erétil - obesidade, fumo e sedentarismo
Tosse seca ou produtiva, noturna ou diurna - Tratamento
Tosse - Qual é o remédio?
Como largar o fumo


PUBLICIDADE


Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Tradução: © 2013 Helio Augusto F. Fontes
Texto: National Cancer Institute