Carga Glicêmica

A carga glicêmica é um sistema de classificação da quantidade de carboidratos em porções de comida baseado no seu índice glicêmico e tamanho da porção. Índice glicêmico classifica os alimentos que contêm carboidratos pela velocidade que elevam o açúcar no sangue.

A utilidade da carga glicêmica é baseada na idéia que alimentos com alto índice glicêmico consumidos em pequenas quantidades podem ter o mesmo efeito sobre o açúcar no sangue que o consumo de alimentos de baixo índice glicêmico em grandes quantidades. Por exemplo, arroz tem alto índice glicêmico, então consumir 50 gramas de arroz branco de uma vez poderia ocasionar um aumento particular de glicose no sangue, enquanto 25 gramas poderia ocasionar metade desse aumento. Uma vez que provavelmente o parâmetro mais importante seja o pico de glicose no sangue, multiplicar a quantidade de carboidratos em uma porção de comida pelo seu índice glicêmico dá uma idéia do efeito que o consumo do alimento terá na taxa de açúcar no sangue.

PUBLICIDADE

A carga glicêmica para uma única porção de comida pode ser calculada pela quantidade (em gramas) de carboidratos multiplicada pelo seu índice glicêmico dividido por 100. Por exemplo, 100 gramas de uma fatia de melancia com 5 gramas de carboidratos (ela contém muita água) e índice glicêmico de 72 dá o seguinte cálculo: 5 * 0,72 = 3,6, desta forma a carga glicêmica é 3,6. 

Tabela de carga glicêmica de alimentos, porções de 100 gramas.

Alimento

Quantidade de
carboidratos
Índice glicêmico Carga glicêmica

Baguete

~95 ~50% ~48

Tortila de milho mexicana

~52 ~48% ~25

Batata

~50 ~48% ~25

Banana

~52 ~20% ~10

Arroz branco

~64 ~24% ~15,4

Melancia

~72 ~5% ~3,6

Cenoura

~47 ~7,5% ~3,5

PUBLICIDADE


Gostou desse artigo? Então você pode recomendá-lo com o Google +1:


Artigos relacionados: 
Tabela de Índice Glicêmico
Resistência à insulina e pré-diabetes
Amendoim
Arroz e feijão Batatas - Fatos Nutricionais
Quiabo - Fatos Nutricionais
Alho-poró e cebolinhas
Mandioca ou aipim - Fatos nutricionais

Carboidratos
Café da manhã
Hidratação - O que beber
Isotônicos
Barras energéticas
Atividades físicas
Proteínas
Recuperação do atleta
Até quanto tempo antes do treino deve ser a última refeição?
Verdades sobre a gordura para corredores
Comidas para diabéticos - Plano alimentar para diabetes
Dieta para diabetes - Alimentos e diabéticos
Glicose no sangue
Hipoglicemia
Carboidratos Complexos
Nutrição e hidratação antes, durante e depois das corridas longas
Dieta do carregamento dos carboidratos
Esvaziamento de carboidrato
Reserva de glicogênio muscular para a maratona
Recuperação muscular pós-exercício - Importância do carboidrato
Catabolismo muscular e corrida de longa distância
Controle glicêmico da diabetes com software
Diabetes insipidus - O que é, sintomas, diagnóstico
Diabetes - Sintomas e diagnóstico
Diabetes - Tratamento
Diabetes - Prevenção
Diabetes - Fatores de risco
Diabetes e pré-diabetes - O que é, sinais, tipos
Diabetes e doenças cardíacas
Diabetes
Exercícios Físicos e Diabetes
Mantendo a forma com diabetes - Exercícios físicos para diabéticos
Viver bem com diabetes
Diabete Infantil e Alimentação
Gymnema sylvestre
Recomendações Nutricionais para Atletas - Dieta e Nutrição
Use a busca abaixo para encontrar o que deseja em mais de 5 mil páginas sobre esporte, saúde e bem-estar:

Créditos:
Tradução: © Hélio Augusto Ferreira Fontes.
Este artigo está licenciado sob a GNU Free Documentation License (www.gnu.org/copyleft/fdl.html). Usa material do artigo da Wikipédia "Glycemic load" (en.wikipedia.org/wiki/Glycemic_load).